Como comprar um teclado musical

Comprar teclado musical

Então, você está pronto para comprar teclado musical. É um momento emocionante, mas antes de correr para a loja de música fazer a compra, há algumas coisas a considerar.

Um instrumento musical é um investimento e você, por certo, deseja obter o máximo com o seu dinheiro.

Dicas para comprar teclado musical

Considere as dicas seguintes, e você encontrará um teclado que se adapte a todas as suas necessidades.

1. Não ir, necessariamente, para o teclado musical com tecnologia mais recente

Você é um aprendiz certo? (não é um profissional experiente). Um teclado de alta tecnologia pode ser confuso e intimidante, e também pode ser inútil durante o tempo em que um aprendiz leva para chegar a um nível de habilidade suficiente para utilizar todos os recursos.

Você pode encontrar variados teclados, de excelente e alta qualidade e com preços decentes. A maioria vem com grandes bibliotecas de som e grande quantidade de opções, o que permitirá divertir-se com o instrumento.

Considerando que seja um aprendiz, concentre-se em aprender agora, e adquirir um teclado elegante mais à frente na tua estrada musical.

2. Você vai ser capaz de usar pedais?

Usar pedais é uma habilidade necessária para pianistas, e se você estiver pensando em tocar um piano de tamanho completo em algum momento da tua vida, você deve começar a treinar seus pés agora.

3. Conheça os seus tamanhos de teclado

Piano Standard têm 88 teclas. Mas há outros três tamanhos para escolher:

76 teclas : Ao iniciar-se, você não vai precisar de todos as 88 teclas, com um modelo de 76 teclas você irá economizar dinheiro e conseguir usá-lo bem em seus estágios intermediários.

61 teclas : Esta é outra boa opção. Como um novato, você não vai notar as teclas suprimidas. Com o tempo, você perceberá a falta destas teclas, mas essa ausência não irá prejudicar a integridade de uma canção.

49 teclas : Este é o menor tamanho padrão, e não é ideal para o uso diário; você vai notar as notas que faltam dentro de seu primeiro ano de aprendizado. Se esta é sua única opção, não desanime por isso.

Esse tamanho permitirá que você saiba o que você precisa saber, e 49 teclas são melhores do que 0 [risos].

4. Você precisa gastar extra em alto-falantes?

A maioria dos teclados tem alto-falantes embutidos em seus corpos, mas é bom ter a certeza antes de trazê-lo para casa. Alguns dos modelos mais técnicos precisam se conectar a alto-falantes externos, a fim de produzir som.

5. Encontre um modelo com “Touch Sensitivity” (sensibilidade ao toque)

Um teclado com sensibilidade ao toque permite que você produza uma nota mais alta, pressionando-a mais forte, simulando um piano.

6. Você será capaz de tocar acordes completos?

Outro aspecto a lembrar é “polifonia”. Este recurso permite que várias notas sejam executadas ao mesmo tempo. Teclados feitos para pessoas com mais de 3 anos de idade normalmente têm isso, mas a polifonia pode ser limitada.

Uma regra de ouro é encontrar um teclado com, pelo menos, 10 notas de polifonia. Dessa forma, você pode tocar um acorde com todos os dez dedos sem perder qualquer uma das notas.

Mantenha estas coisas em mente quando você estiver na loja, mas não se esqueça de testar os instrumentos! É a única maneira de determinar a qualidade do som, por isso não se acanhe em ligá-lo e testá-lo.

Algumas sugestões de bons modelos de teclado* são:

Cassio CTK-6200 (Preço Médio: R$ 1.000,00);

Yamaha PSR E343 (Preço Médio: R$ 1.200,00)

*Os modelos mais antigos destas duas marcas citadas possuem limitações com relação às dicas que demos acima.

Caso os valores não estejam dentro do teu orçamento, opte por teclados usados de marcas confiáveis (evite chinesas, japonesas, ou marcas com equipamentos muito superficiais).

O que achou do artigo?

Comente

Teu E-mail não será divulgado.