Notas Importantes

Frequentemente atualizamos esta página com Novidades acerca das posições que tomamos em relação à assuntos polêmicos do chamado “mundo gospel”.

Ressaltamos que evitamos utilizar a expressão “gospel” em nossos artigos, programação e em qualquer pronunciamento que fazemos.

Primeiro, porque o termo “gospel” ficou banalizado e se tornou, no Brasil, algo muito pejorativo. Segundo porque a origem do termo (God Spell – Deus soletra) foi esquecida.

Informações Importantes da Rádio

Sendo assim, nos reservamos o direito de se posicionar de forma contrária à tudo que destoe do que acreditamos e nesta página do site daremos detalhes (ainda que possa parecer desnecessário).

1. Músicas populares como “Raridade” e “Sabor de Mel” não tocam na LR

Nem tudo que é popular é relevante ou edificante. Nos últimos anos, canções como “Faz um milagre em mim”, “Restitui” e “Como prometeste” se espalharam nas rádios e igrejas.

Estão entre os louvores mais tocados do Brasil, o que não significa que tenham boa qualidade musical e conteúdo cristão.

Antes, os louvores evangélicos com boa qualidade musical e com conteúdo bíblia relevante nem sempre são tão ouvidos.

O tamanho da popularidade de “Sabor de Mel” e “Raridade”, por exemplo, chega a assustar, mas é algo comum na atual realidade comercial de músicas gospel com heresias.

Estas canções contém heresias quase que na totalidade e, sendo repetidas várias vezes, viram verdades mas, por analisarmos a Bíblia, não as tocamos aqui.

2. Saiba por que removemos os hinos de André Valadão

A partir de 15/11/2017, removemos as canções de André Valadão que aqui eram executadas. André se junta à Kléber Lucas, no grupo de cantores que evitamos.

Os evangélicos André e Kléber Lucas forçam aproximação com o catolicismo e participam de cultos ecumênicos, o que gera muita confusão na mente dos dois grupos.

Nem todos os católicos aceitam esta aproximação em cultos e nem todos os evangélicos a aceitam.

Amizade, amor e companheirismo com pessoas que congregam em outras denominações sempre deve existir, porém não dá pra misturar isso.

Manter tua convicção não fere o outro, e participar de um culto ecumênico é dizer aceitar a doutrina equivocada do outro.

É o contrário do que o apóstolo Paulo fez no areópago quando, de posse da palavra, falou umas verdades para todos os que precisavam ouvir.

Hoje a aproximação parece ser muito mais pela popularidade das redes sociais do que por um propósito mais alinhado com a Bíblia.

Evangélicos protestantes e católicos continuam tendo posições muito antagônicas entre a ascensão de Maria e purgatório, só pra citar alguns assuntos.

1 Comentário

  1. Parabenizo pela coragem da abordagem deste tema “Heresias em composições cristã evangélica” e parabenizo também pela coragem de “não tocar estas músicas” abrindo mão de suas popularidades, reservando o tempo para àquelas onde Cristo é o centro. Meus cumprimentos. Deus vos abençoem.

O que achou do artigo?